"­Desejo Saúde - Uma empresa do grupo Sare."

Conheça as três vitaminas que ajudam a energizar o treino


\r\n As frutas são alimentos naturais e saudáveis mas isso não significa que qualquer fruta deva ser consumida a qualquer momento. Se você é praticante regular de exercícios, você pode ser criterioso nesta escolha. Há frutas que favorecem o treino e outras que o prejudicam. Certas frutas são boas para serem comidas antes do exercício, e outras para depois da prática. 

\r\n

\r\n  
\r\n Segundo o médico esportivo Ricardo Munir Nahas, diretor científico da Sociedade Brasileira de Medicina do Exercício e do Esporte, “o corpo precisa da frutose (açúcar da fruta) para treinar, e é melhor optar por alimentos de rápida absorção antes de malhar. 
\r\n  
\r\n Laranja com frutas vermelhas – O médico recomenda essa combinação, seja qual for a atividade física praticada. Ele afirma: “É uma combinação interessante porque as frutas vermelhas são ricas em vitaminas do complexo B, e tais vitaminas beneficiam o sistema nervoso e são fontes de energia para exercícios de longa duração”. 
\r\n  
\r\n Em geral, as frutas cítricas têm a vantagem de serem ricas em vitamina C, que combate a ação dos radicais livres. O nutricionista Leonardo Rocha, especialista em nutrição esportiva, diz: “Isso evita a oxidação, processo acelerado pela atividade física. Ao ingerir frutas com vitamina C, a pessoa já prepara o organismo antes do treino para uma recuperação rápida.” 
\r\n  
\r\n Kiwi com tangerina – Essa combinação cítrica é recomendada pelo nutricionista esportivo, já que são ricas em sais eletrolíticos. “Eles são importantes para a hidratação em exercícios de longa duração”, afirma Rocha. 
\r\n  
\r\n Praticantes de corrida, especialmente aqueles que treinam para maratonas, sofrem perdas significativas de sais minerais que prejudicam o desempenho em treinos e competições. “Kiwi e tangerina têm sódio e potássio”, aponta o nutricionista.

\r\n

\r\n Autor:  Agência Comunicado

\r\n

\r\n Fonte:  Portal iG

\r\n